Alzira e a Vó Vampira 

 Escrito e ilustrado por Kiki Hamann

Ouça essa história na voz da Kiki 

Download o Real Player - grátis

 

Alzira Zulmira é um cotoco de gente que mente que nem pente que não tem dente. Outro dia com ares de “nem te conto” contou, a contadeira da Alzira, que a sua Vó era Vampira. E que tinha um olho roxo, e um cavalo que fazia muxoxo e morava numa aldeia onde gente comia veia.

Vivia sempre brigando, a Vó Vampira da Alzira, com uma bruxa dondoca chamada Maria Sororóca. Sororóca Pipoca era fã de discoteca e quando dançava pulava mais do que peteca. Não é que um belo dia, para um baile o rei convidou. E as duas vizinhas, Sororóca e Vampira, ficaram em polvorosa pois não haveria quem quisesse para o baile levar, duas tão horrorosas.

E para a surpresa da aldeia, resolveram unir forças, e saíram juntas para procurar aquele a quem iriam encantar

 

- “Um sapo, um sapo !”, dizia Sororóca ! Alakazam, Tim Tim Salabim e está tudo resolvido !”

- “Ah, sapo não ! E, como é que eu fico sem aquele pescocinho roliço e suculento?

- “Fica chupando dedo no relento !”

E antes que a confusão se desse, resolveram pensar juntas, e chegaram a seguinte conclusão ...

- “Sororóca, e se a gente arrumasse um rapaz, assim feiinho ? Você dava seu jeitinho ?”

- “Sim, sim, Salabim ! Me parece uma boa sugestão ! Darei a ele lábios carnudos, olhos negros e graúdos ! Vampira, vá já escovar esse seu dentão, que eu já estou preparando a minha vassoura !”

E as duas, Vampira e Sororóca, agora amigas inseparáveis, se mandaram para o baile certas de que iriam agradar, e até um pacto de amizade eterna chegaram a jurar ! O baile estava mesmo animado, a cidade toda compareceu.

E, conforme o combinado, Vampira e Sororóca chegaram de mão dadas, amicíssimas, sempre coladas.

- “Olha Sororóca, não vai esquecer do que você me prometeu ! Hoje, quero arrumar o meu Romeu !”

- “Promessa é dívida, Vampira ! Alakasan, Sim Sim Rin-Tim-Tim-Tim, aquele a quem seus lábios beijar, num príncipe irá se transformar !”

E as duas amigas, adentraram o salão, de braços dados e coração na mão. Foram então recebidas com toda a pompa, pelo Rei e pela Rainha e também pelo Príncipe...... Ah, o Príncipe ! Que surpresa ! Que beleza de rapaz ! E a Vampira, passando na frente, esquecendo-se da concorrente, logo gritou :

- “Ele é meu, ele é meu, eu o vi primeiro !”

E, antes mesmo que Sororóca pudesse alertar, Vampira se atirou naquele pescoço real e estalou seu beijo mais ensaiado, achando que tudo ia ficar legal..... Nesse instante a Vampira beijou o Príncipe que era um gato.... E, o coitadinho se transformou em sapo !

- “Promessa é dívida, disse Sororóca. Então não lhe prometi lábios carnudos, e olhos pretos graúdos ? Pois aí está, missão cumprida, resolvida esta dívida !”

O Baile todo parou para escutar os gritos da Vampira, que partia para a Sororóca, com toda a sua ira !

- “Olha que eu pego essa sua jugular, sua bandida !”

- “Alakasan, Tim Tim por Tim Tim.....”

Sororóca, muito criativa, arrumou logo uma alternativa..... Transformou Vampira numa perereca sapeca, que agora como ela, é também fã de discoteca !

-“E isso, é a mais purinha das verdades !” Disse a Alzira com a sua cara mais gaiata.

-“E olha pessoal, essa história é para ficar só entre a gente.... será que vocês conseguem guardar um segredo ?

Eu mesma, sou um túmulo !”

Alzirêz!  Confira as palavras que você não entendeu!

Assine o meu livro de visitas

Free Guestbook from Bravenet.com 

As Receitas Da Alzira  

  Visite a Cozinha da Alzira e aprenda a fazer a Torta da Vampira (com molho de "sangue" )!